Meu acidente & Recuperação

Parte do incentivo para que eu fizesse o blog foi pelo fato de ter que passar 24 horas por dia deitada com o pé para cima. Mas não foi sempre assim, eu já queria fazer o blog há um tempo, mas as ideias nunca vinham. Hoje vou dividir com vocês bem rápido “o que foi” meu acidente e como está sendo minha recuperação 👣

Sábado, 7 de novembro de 2015, eu estava em Florianópolis, na casa do meu namorado e devido a um descuido meu ao subir na escada do mezanino aonde dormíamos, caí. A escada cedeu, pois eu havia tirado o criado mudo do lugar que dava apoio, eu realmente não prestei atenção que a escada escorregaria, mas aconteceu. 

Acho que foi mais ou menos uma altura de 2 metros, e eu caí muito de mal jeito para ter quebrado a tíbia e a fíbula, estilhaçado um pedaço do osso e perdido cartilagem nesse lugar. Pra quem não sabe, a tíbia e a fíbula são os ossos da perna que vai até o tornozelo, eu quebrei bem na ponta dos dois, o que não teria sido TÃO grave se eu tivesse fraturado mais acima.

Processed with VSCOcam with c6 preset

Quando eu caí não senti dor. No momento da queda eu olhei para o meu pé na hora que os ossos saíram do lugar e aquilo pra mim que foi desesperador, talvez isso tenha me desconcentrado e eu não senti nada. Entretanto quando cheguei ao hospital eu não conseguia manter minha cabeça erguida de tanto mal que eu passava, meu pé estava com duas bolas, muito inchadas e só de olhar me dava vontade de vomitar.

Depois de passar pelos exames necessários, veio a notícia que eu precisaria operar. Meu namorado sabia do que o médico falava e sabia que era grave, eu estava apenas boiando, e aguentando o momento. Por fim, a espera seria de até 2 semanas para fazer a cirurgia, o que é muito devido ao meu estado, sem condições, mas o jeito era esperar.

Engessei o perna, e voltei pra casa cheia de remédios. Meu namorado me encheu de doces e salgados no dia seguinte, sendo um fofo e preocupado demais. Nos próximos dias, minhas dores eram controladas por remédio e porque eu não me mexia. Na segunda de manhã, eu fui na revisão, e o médico ortopedista geral do hospital me atendeu e disse que me operaria no dia seguinte. Aquilo foi um alívio inexplicável. 

Era tanta dor, que eu chorava sem me importar que tinha pessoas ao meu redor.

Operei na terça, dia 10 de novembro de 2015, Hospital Governador Celso Ramos. Colocaram duas placas de titânio (uma em cada lado) e onze parafusos. Acordei com muita, muita dor, e foi MUITA dor por duas semanas seguidas. Voltei pro Rio depois dessas duas semanas e já não sentia tanta dor, uma semana depois tirei os pontos e 10 dias depois comecei a fisioterapia.

Aos poucos meu pé foi desinchando, mas eu tinha sempre que mante-lo erguido. O médico que eu me consulto aqui no Rio só me autorizou por o pé no chão e dar os primeiros passos (que foram na frente dele) no dia 13 de fevereiro. Eu fui pegando o jeito, e agora já ando bem melhor, porém com dor quando piso, mas faz parte rs.

Minha fisioterapia era a base de gelo, e a partir do dia 4 de março faço com infra, – uma luz vermelha e quentinha – para amolecer os músculos e melhorar os movimentos do pé. Meus exercícios agora faço com carga parcial.

Processed with VSCOcam with 6 preset

Eu criei o blog após vir pro Rio, e então decidi o que eu iria compartilhar com as pessoas. Eu estava com muito tédio, nem via TV, e isso me deu mais força pra fazer o blog, que foi no dia 19 de janeiro de 2016 e a cada dia me animo mais.

Até hoje não me esqueço de uma frase que minha fisioterapeuta falou enquanto meu pai me acompanhava durante uma das minhas primeiras sessões: “Se isso aconteceu, foi  uma intervenção para que algo pior não viesse acontecer mais tarde” Depois desse dia eu vi o meu acidente de outra forma. As pessoas podem não acreditar nisso mas, quem sabe foi não?

Estou muito animada com essa nova fase, está tudo correndo mais rápido do que eu esperava.

Processed with VSCO with m3 preset

 

Obrigada por ter lido até aqui, um grande beijo! 

INSTAGRAMS: @thaisgravata@arteexplore ME ACOMPANHE LÁ ⏰

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Meu acidente & Recuperação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s